Operação Ferro-Velho fiscaliza sete estabelecimentos em quatro bairros de Sorocaba – Agência de Notícias

3 de julho de 2024 Off Por



3 de julho de 2024

16:41

Por: Eduardo Santinon ([email protected])

Fotos: GCM

A Prefeitura de Sorocaba realizou mais uma “Operação Ferro-velho”, envolvendo profissionais do Setor de Fiscalização de Posturas da Secretaria Planejamento e Desenvolvimento Urbano (Seplan), Secretaria de Segurança Urbana (Sesu) e Guarda Civil Municipal (GCM). A ação preventiva ocorreu na segunda-feira (2), em sete pontos, nos bairros Jardim Zulmira, Vila Barão, Vila Zacarias e Parque Vitória Régia.

Durante a ação, um estabelecimento, no Parque Vitória Régia, foi interditado temporariamente, após notificado devido à falta de licença de operação. Na Vila Zacarias, houve uma multa por falta de sistema de videomonitoramento, assim como uma na Vila Barão e outra no Jardim Zulmira.

Ainda no Jardim Zulmira, um estabelecimento estava fechado e outro não apresentava irregularidades no momento da fiscalização. Ao passo que um endereço na Vila Barão não funcionava mais como ferro-velho. Os locais averiguados são definidos, sobretudo, a partir de denúncias e informações apuradas pelos fiscais.

O objetivo da ação, segundo a Sesu, é coibir casos de receptação de materiais sem procedência ou alvo de furto, assim como checar denúncias e identificar possíveis ocorrências nos âmbitos criminal e administrativo.

Somente em 2023, 183 ferros-velhos foram fiscalizados durante operações semelhantes, em todas as regiões da cidade. Desses, 79 foram notificados, 51 multados, três interditados temporariamente e um de maneira definitiva. Em 2024, até o momento, 143 pontos foram fiscalizados, dos quais 25 foram notificados, 32 autuados por falta de licença e um interditado de maneira definitiva.

O contato da população para denúncias neste sentido pode ser feito pelo portal da Prefeitura de Sorocaba: http://www.sorocaba.sp.gov.br/atendimento  (24 horas), de segunda a sexta-feira, das 8h às 17h, pelo WhatsApp: (15) 99129-2426 ou pelo telefone 156 (Ouvidoria Geral do Município); ou, ainda, pelos telefones 153 (GCM) e 190 (Polícia Militar).