o que pode e não pode levar

25 de maio de 2024 Off Por

Foto: divulgação/Secom-JP

As provas objetivas e discursivas do concurso da Caixa serão aplicadas no próximo domingo (26) e terão duração de cinco horas. Para que os candidatos se preparem com antecedência, o Jornal da Paraíba reuniu todas as orientações do edital sobre o que pode e não pode ser lavado.

A recomendação é que os candidatos cheguem aos locais de provas com uma hora de antecedência e que só deixem as salas após duas horas.

O que o candidato deve levar

Para entrar no local de provas e fazer o exame, o candidato deve levar:

  • Cartão de Confirmação de Inscrição e de Declaração de Comparecimento (se for necessário);
  • Documento de identidade original com foto com o qual se inscreveu;
  • Caneta esferográfica de tinta preta fabricada em material transparente.

Após entrar no local de provas, o candidato deve ir imediatamente à sala de aplicação. Não será permitido que os candidatos fiquem nos corredores antes do início das provas.

Quando entrar no local de prova, o candidato deve colocar os objetos pessoais, inclusive celular, que deverá estar desligado, no envelope porta-objetos disponibilizado pela fiscalização e guardá-lo embaixo da carteira.

O que o candidato não pode levar

Para que os candidatos façam as provas, também devem ficar atentos ao que não pode ser feito.

É proibido o porte ou o uso de aparelhos como agendas, relógios, celulares e microcomputadores portáteis.

Também é vedado o uso de óculos escuros e acessórios de chapelaria, a exemplo de chapéu, boné, gorro ou protetores auriculares.

Os candidatos também não podem estar armados, seja com arma branca ou de fogo.

Não será permitida a consulta a livros, apostilas, códigos ou qualquer outra fonte durante a realização das provas.

Por segurança, pode acontecer revista pessoal por meio da utilização de detector de metais.

Quer saber mais sobre as vagas abertas em concursos e seleções no estado? Acesse a editoria Vamos Trabalhar, do Jornal da Paraíba e fique por dentro.